sexta-feira, 16 de maio de 2008

O PARQUE URBANO DA MINHA CIDADE, MEALHADA, ESTÁS MAIS BELA!!


A assinatura do contrato de empreitada de reconversão dos Viveiros Florestais em Parque Urbano da Mealhada decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho. O documento foi assinado pelo Presidente da Câmara da Mealhada e por um representante da empresa, Alberto Couto Alves, SA, empresa à qual foi adjudicada a obra, pelo valor aproximado de 1.880 mil euros. “Está concluído o acto. Dentro de dias começarão as obras que nós aqui na Mealhada tanto queríamos que fossem iniciadas”, resumiu o autarca Carlos Cabral. A empreitada de reconversão dos Viveiros Florestais em Parque Urbano da Mealhada vai avançar, dentro de dias, no terreno, sendo que a empresa a quem foi adjudicada a obra, a Alberto Couto Alves SA, tem precisamente 270 dias para a concluir. “Esperemos que o bebé nasça bonito, que cresça bem e que tenha uma longa vida”, ambicionou o Presidente da Câmara, Carlos Cabral, no breve discurso que proferiu após a assinatura do documento. “Que este seja o último dia em que o espaço dos Viveiros Florestais esteja assim degradado e sem segurança”, acrescentou o autarca. A ambição já tem mais de 15 anos. O espaço dos Viveiros Florestais pertencia, ainda há menos de um ano, ao Estado, e foram necessários e vários anos de diligências junto dos sucessivos Governos para a Câmara da Mealhada ter conseguido ser proprietária do terreno. Uma pretensão que foi alcançada por este Executivo Municipal no dia 30 de Maio do ano passado, tendo a autarquia cedido ao Estado, como contrapartida, o terreno municipal onde foi construída a Escola EB 2/3 da Pampilhosa. O objectivo já estava traçado: o antigo espaço dos Viveiros Florestais seria reconvertido em Parque Urbano da Mealhada. Depois da aquisição do terreno, tudo ficou mais fácil. “A Câmara Municipal mandou fazer o projecto, lançou o concurso, analisou as propostas, adjudicou a empreitada e, finalmente, vai agora ver a obra a avançar no terreno”, sintetizou Carlos Cabral, mostrando a sua satisfação por, finalmente, se iniciar a empreitada que vai trazer ao concelho da Mealhada o novo espaço verde de excelência da cidade. O que se pretende é, pois, transformar toda aquela área de cerca de 14 hectares num novo e imponente espaço verde, vocacionado especialmente para o recreio e lazer da população. A empreitada prevê, por isso, a criação de novas infra-estruturas de água e águas pluviais, saneamento e iluminação, a remodelação dos espaços verdes e um novo plano de plantação de árvores, a construção de zonas pedonais e um novo grande passeio junto à EN1, de acesso às escolas, bem como a criação de uma praça central, de uma zona desportiva, com campos adequados à prática de várias modalidades, e uma área de entretenimento e lazer, direccionada para espectáculos e outras actividades ao ar livre. A praça central, em calçada, será mesmo o epicentro de todo o espaço e, como tal, será lá que ficarão instalados os edifícios de apoio e a zona de cafetaria/restauração. Será também da praça que partirá uma rede de ciclo vias e passeios amplos, que contornarão todo o espaço, fazendo a sua ligação ao centro urbano. Uma obra que tem um prazo de execução de aproximadamente 9 meses, que servirão para transformar a área dos Viveiros Florestais no tão desejado Parque Urbano da Mealhada.
Melhor não podia ser, a Cidade precisava muito de espaço assim, e nós tinha-mo ali a degradar-se. Ele tem histórias de vidas, é bonito, agora será uma sala de visitas da cidade, com novas histórias para contar, de amor, de alegrias, tristezas, muito mais será...será o PARQUE DA CIDADE.

VAIS FICAR MAIS BELA, MEALHADA!

1 comentário:

casteli disse...

e quanto é belo!
hoje não fui correr, era sexta feira dia de conversa na esplanada e não apareces-tes!
manda-me um email com o teu telem.
castela